quarta-feira, 7 de janeiro de 2015



Hoje é um dia negro para o jornalismo. Para todos aqueles que acreditam e defendem a liberdade de expressão e de imprensa. Para as famílias dos que perderam a vida. Para todos aqueles que não desistem, não ignoram, e não se escondem.

O dia  7 de janeiro ficará para sempre marcado nas nossas memórias como o dia em que vários cobardes, munidos de armas, invadiram o jornal Charlie Hebdo e mataram 12 pessoas, na defesa de uma religião, de um líder, de um conceito, de um ideal... 

Que Mundo é este em que o amor a uma religião, a uma série de palavras mal escritas em pergaminhos com séculos de idade justifica este desrespeito pelo Ser Humano, pela humanidade.

Não percebo, não percebo!!!

As Conversas da Sopa. Com tecnologia do Blogger.

A Sopa no Facebook

Todos os conteúdos deste site estão protegido pela lei internacional deCopyright e, não podem ser copiados, descarregados ou retransmitidos sem o consentimento prévio da autora.

Pesquisa

Estatísticas