sexta-feira, 31 de agosto de 2012
Por mais temporada, por mais vergonhas e humilhações, estes pequenos grandes emplastros não se cansam de fazer figuras tristes. Aqui está mais um exemplo de alguém que nunca mais deveria abrir a boca para cantar, cantarelar, o que quer que seja.
(Confesso que já vi e revi isto paí umas 10 vezes e continuo a me rir à gargalhada!)

As Conversas da Sopa. Com tecnologia do Blogger.

A Sopa no Facebook

Todos os conteúdos deste site estão protegido pela lei internacional deCopyright e, não podem ser copiados, descarregados ou retransmitidos sem o consentimento prévio da autora.

Pesquisa

Estatísticas