segunda-feira, 28 de janeiro de 2013
Eu já vos disse que tenho um problema com as tecnologias, não já? Ao que parece, emito qualquer tipo de energia negativa que dá cabo de qualquer dispositivo tecnológico. Desta vez foi o meu smartphone, que fazia hoje um mês de existência.
Dizem os senhores da vodafone que aquele telemóvel nunca dava problema, que era uma boa aposta e que estava bem servida. Tal como calculava, os senhores da vodafone não têm qualquer consciência do poder que eu exerço sobre os dispositivos.
Mas pronto, isto para dizer que ontem estive 2 horas na vodafone a tentar escolher a próxima vítima... smartphone. E, após ser muito influenciada pelos funcionário, lá trouxe este bichinho para casa. É o telemóvel do James Bond, e se sobreviveu àquelas aventuras todas, penso que não terá qualquer problema a adaptar-se a mim (deus queira que tenha razão!)




sexta-feira, 25 de janeiro de 2013


Mas isto agora é o facebook que define o futuro desta gente? Será que a cabeça só serve de enfeite?
E que tal começarem a pensar como homenzinhos e mulherzinhas e fazerem-se à vida?
Quanto à primeira imagem o que tenho a dizer é que o gajo é muito burro por estar a implorar por sexo e, a miúda muito parva por estar a leiloar-se assim. A questão principal é: ONDE ANDAM OS PAIS DESTAS CRIANÇAS?
Quanto à segunda imagem, percebo o desejo do senhor, mas sinceramente a vida deste ser não me é de interesse algum, pelo que não percebo porque terá que partilhar algo privado com todo o mundo.
terça-feira, 22 de janeiro de 2013
E pronto, era bom demais não ter voltado a fazer mais nenhuma azelhice com o sopamóbil mas infelizmente, voltei a fazê-las hoje. Digamos que ao fazer uma rotunda curvei mal e subi um passeio e... por lá fiquei. Só não bati no sinal porque o Sopamóbil desligou-se para evitar males maiores. E, apesar do estrondo, o sopamóbil não ficou com nenhum ferimento (não sei como!). Ele definitivamente é o meu HERÓI!

sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Tenhos esta música nos ouvidos, desde ontem, graças aos meus colegas. Passam o dia a ouvir esta música e depois quem sofre sou eu.
Haviam de ter visto a cara do meu homem quando me ouviu cantar o Scratch my back | versão portuguesa coça-me nas costas Manel!! ah ah
quinta-feira, 17 de janeiro de 2013
Sempre que me desloco a uma repartição de finanças é uma chatice. Saio sempre de lá chateada e a querer bater em toda a gente. Não sei se tenho alergia a estupidez ou a incompetência, mas o certo é que não há maneira de me entender com aqueles funcionários públicos.
Ás vezes questiono-me como é possivel que para uma simples pergunta, existam 3 respostas diferentes, consoante o funcionário que me atende.
Como se já não bastasse o tempo que tenho que esperar para ser atendida, ainda tenho que levar com a indecisão dos funcionários. E o mais grave de tudo é que, quando os questionamos olham para nós com aquele olhar "el matador" como se fossemos-muito-estúpidos-e-não-percebecemos-nada, quando o verdadeiro problema é que eles não sabem explicar as coisas de maneira perceptível.
Ahhhhhhhh haja paciencia!!!
quinta-feira, 10 de janeiro de 2013
A nova campanha da Samsung "Desejos para 2013" foi um autêntico fiasco. Uma chuva de críticas inundou as redes sociais e a Samsung viu-se obrigada a retirar toda a campanha do mercado.
A escolha dos bloggers não foi a melhor, e a mensagem passada...bem... digamos que arrepiou todo o Portugal.
Estou com o feeling que, nos próximos dias, vão abrir vagas no departamento de marketing da Samsung.



Oláaa Leguminosas, como foram essas festas?
Depois de uma semanita de férias, acabou-se o que era bom. O Natal e a passagem de ano são coisas por que ansiamos todo e ano e passam tão rápido que uma pessoa nem tem tempo para aproveitar tudo aquilo que queria aproveitar. O meu Natal foi um pouco conturbado. A Easy Jet cancelou todos os voos para a Madeira no dia 24 e só pude viajar no dia 26 à noitinha. Sim, já viram a minha sorte? Lá falhei o Natal com a família, mas a boa notícia é que em compensação pelo cancelamento da viagem a Easy Jet adiou-me também a vinda para Lisboa e pude ficar mais uns diazinhos com a famelga. E foi tãoo bom! Ai as saudades que eu já tinha.
Quanto à passagem de ano, não foi nada de especial - um jantarzito com uns amigos e depois um merecido descanso em frente ao sofá.
Digamos que apesar de ter passado tudo a correr, aproveitei ao máximo e descansei bastante, o que foi muito útil, visto que desde que regressei ao trabalho ainda não parei.
Já vos desejei um bom ano? Ainda não? Então cá vai:


UM BOM ANO!!
As Conversas da Sopa. Com tecnologia do Blogger.

A Sopa no Facebook

Todos os conteúdos deste site estão protegido pela lei internacional deCopyright e, não podem ser copiados, descarregados ou retransmitidos sem o consentimento prévio da autora.

Pesquisa

Estatísticas